Dicas Contábeis Fiscal Gestão & Negócios

Valuation: Como Calcular o Valor de uma Empresa ?

o que é Valuation
Escrito por CEFIS

Valuation: O que é e para que Serve?

Você já deve ter ouvido na mídia notícias como essas: A gigante de tecnologia X está avaliada em R$1 bi, a start up de mobilidade urbana Y foi avaliada em $6 bi, e assim por diante.

Então você deve ter se perguntado: mas como eles fazem esses cálculos? como chegam a esse valor?

Talvez você tenha até interesse em saber quanto vale o seu empreendimento…

No post de hoje, você vai aprender o que é e como é feito o Valuation (Avaliação de Empresas), por que fazer o valuation de empresas e negócios, como avaliar, principais métodos de avaliação e qual a importância do Valuation.

1-O que é Valuation

Valuation é a determinação de um valor para determinadas empresas e negócios. Consiste em um processo de precificação de um empreendimento no mundo corporativo e financeiro para calcular o valor aproximado de um determinado negócio.

O objetivo do Valuation é avaliar as empresas pelo valor justo e não apenas pelo valor contábil de ativos e passivos. É necessário levar em consideração ativos intangíveis, projeções de crescimento assim como potencial geração de fluxos de caixa futuros, dentre outros fatores.

Tarefa nada fácil, não é mesmo?

Pois é… definir preço é simples. Basta olhar para os relatórios contábeis. E quanto ao valor?

Você pagaria R$2.000 por um quilo de sal? Acho que não, né? Então, isso acontece porque você sabe que no mercado um quilo de sal custa menos de R$ 2 reais.

Imagina agora um par de sapatos de um designer de moda famoso. Você pode até não estar disposto(a) a pagar uma fortuna por esse par de sapatos, mas o mercado está disposto a pagar uma quantia absurda por eles devido a inúmeros fatores, entre eles a força da marca e a carteira de clientes. Viu a diferença?

É o mercado quem decide o valor do negócio. E é exatamente isso o que acontece no Valuation.

Sendo assim, duas questões devem ser consideradas:

  • Quanto o mercado está disposto a pagar pelo seu negócio caso você decida negociá-lo hoje?
  • Como definir de forma precisa algo tão subjetivo?

Por isso, apesar de o processo de Valuation envolver diversos cálculos e análises, ele não é considerado uma ciência exata.

Hoje, existem muitos métodos e técnicas para fazer a avaliação de negócios, empresas e ativos em geral. Isso varia conforme a área de atuação e as características do empreendimento.

GuestColumn_Twitter_Image

O processo de Avaliação de Empresas é sobre a percepção de valor de determinado negócio. E essa percepção depende da perspectiva dos agentes envolvidos: o comprador e o vendedor.

Valuation é o processo em que todos os fatores atuais e projeções futuras do negócio são avaliados quanto aos prováveis resultados apresentados, de forma sistêmica e integrada.

2-Elementos Essenciais do Valuation

2.1-Premissas

O ponto essencial de todas as questões é avaliar algumas premissas.

Exemplos de premissas a serem utilizadas na avaliação de empresas:

  • Qual a previsão de faturamento da empresa no próximo ano?
  • Qual o plano de expansão?
  • Qual será a margem de lucro?
  • A empresa irá negociar um novo ativo?

Enfim, algumas informações que podem aumentar ou diminuir indicadores financeiros importante do negócio, como o ROI ou ROE, por exemplo.

Ou seja, você deve ler e analisar algumas informações importantes e que irão impactar a sua visão de mercado como analista ou investidor.

2.2- Modelos de precificação

O conhecimento de técnicas de precificação de ativos é um elemento essencial para se tentar chegar a um valor fidedigno. Um valor justo, honesto, razoável para os agentes do mercado (o comprador e o vendedor do ativo). E que, de fato, represente uma avaliação mais próxima possível da realidade.

Existem três metodologias principais de avaliação econômica de uma empresa: Múltiplos de Mercado de Empresas Comparáveis, Múltiplos de Transações Comparáveis e Fluxo de Caixa Descontado (FCD). Vamos conhecer cada uma delas?

3-Múltiplos de Mercado de Empresas Comparáveis

Consiste em precificar o valor de uma empresa através da comparação com múltiplos de empresas do mesmo segmento de atuação. É a análise da atual precificação deste indicador com o múltiplo de uma empresa com o mesmo perfil.

O método de análise comparativa parte do pressuposto de que empresas com características parecidas deveriam ter múltiplos de mercado similares, pelo menos a longo prazo.

Para realizar uma análise comparativa você deve compilar primeiramente uma lista com os nomes das empresas que possuem características similares e que participem do mesmo setor de atuação.

O conhecimento sobre Valuation ajuda a minimizar eventuais erros. Para isso, você precisa ter as respostas certas para as perguntas.

Dessa forma, suas chances de obter um modelo de Valuation mais assertivo aumenta bastante.

4-Múltiplos de Mercado de Transações Comparáveis

Consiste na identificação de transações envolvendo empresas com atividades comparáveis. Os múltiplos são calculados de forma implícita, com aplicação nas operações da empresa que está sendo avaliada.

4.1- Principais Elementos na Avaliação Comparativa:

  • Identificação de negócios (ativos) comparáveis entre si no mercado de avaliação;
  • Relacionar o preço de mercado da empresa com uma determinada variável (lucros, vendas, patrimônio líquido etc.), criando o múltiplo.

5-Mas o que é um Múltiplo?

Um múltiplo é uma métrica que mede dados relacionados aos números financeiros da empresa. Ou seja, os múltiplos são indicadores padronizados dos valores das empresas.

São calculados com base em dois fatores:

  • Preços correntes no mercado de ações;
  • Preços praticados na compra e venda de empresas (transações).
Fórmula do Múltiplo = valor de mercado / X

5.1- Principais Tipos de Múltiplos

  • P/L

O P/L é o múltiplo mais utilizado na análise comparativa.

O múltiplo P/L (Preço sobre Lucro) é um indicador usado para mensurar quanto o mercado está disposto a pagar para cada real de lucro que uma empresa obtém.

Exemplo: Uma determinada empresa obtém um lucro de R$5,00 por ação. Porém, seus ativos estão sendo negociados a R$ 10,00. Dessa forma, podemos concluir que a relação P/L é de 2 vezes. Em outras palavras, para cada 1 real que você investir, você obtém o dobro do investimento.

  • EV/EBITDA

Representa a relação entre o valor do negócio (valor de mercado mais o endividamento líquido) e o potencial gerador de caixa dos ativos operacionais da empresa, conhecido por EBITDA (soma do lucro operacional antes das despesas financeiras, impostos, depreciação e amortização.)

  • Dividend Yield

Este indicador representa a divisão dos dividendos distribuídos nos últimos 12 meses pelo preço da ação.

  • Preço/Patrimônio Líquido (P/PL)

É um dos mais utilizados no mercado de ações.

É uma forma de medir quanto os investimentos feitos pelos acionistas ao longo do tempo, a preço de custo de aquisição, estão valorizados, o que auxilia nas comparações de super ou subvalorização de ações de empresas de setores iguais ou diferentes.

As empresas que têm P/PL menor do que 1, ou menor que a média do setor, geralmente são consideradas subvalorizadas e têm grande potencial de valorização.

5.2- Vantagens da Análise por Múltiplos

  • Obter estimativas rápidas de valor das empresas e ativos;
  • Grande número de empresas do mesmo segmento e sujeitas à comparação estão sendo negociadas na bolsa, e em geral, o mercado está realizando a precificação de forma correta.

5.3-Desvantagens da Análise por Múltiplos

  • A análise comparativa limite as perspectivas no curto prazo.
  • Resultará em erros de supervalorização ou subvalorização, caso o mercado avalie de forma equivocada o setor de forma geral.

6-Avaliação pelo Fluxo de Caixa Descontado

O fluxo de caixa descontado é uma projeção do que a empresa poderá obter de fluxo de caixa no futuro, considerando a taxa de desconto no tempo e os riscos envolvidos no negócio.

Essa estimativa de fluxos é trazida a valor presente, através de uma taxa de desconto, que é composta pelos custos de capital e riscos inerentes ao negócio em análise.

Entre os métodos de avaliação, o Fluxo de Caixa Descontado a valor presente (FCD) é considerado o melhor para avaliar a efetiva capacidade de geração de riqueza dos ativos, pois é o método que reflete da melhor maneira as particularidades das companhias, referentes às de taxas de crescimento, rentabilidade, necessidade de investimento, alíquotas de impostos e estrutura de capital.

Uma vez que representa as entradas e saídas de dinheiro ao longo do tempo, esse método prevê os rendimentos gerados pelo projeto ao longo de toda a sua vida útil.

Capturar

7-Por que fazer o Valuation?

Uma empresa ou ativo estão sujeitos a uma série de mudanças ao longo de sua existência, pois fazem parte de um mercado dinâmico. Por isso é necessário fazer o Valuation.

É importante calcular o valor justo dos ativos e passivos de um negócio para efetuar um processo de compra, venda ou outros tipos de negociação.

Veja alguns exemplos:

  • Compra ou venda de ações e de participações minoritárias;
  • Compra ou venda de carteira de clientes e linhas de negócios;
  • Partilha entre herdeiros em sucessão patrimonial;
  • Fusão, cisão, incorporação de empresas;
  • Liquidação Judicial de empresas (nos casos em que as Demonstrações Contábeis não retratem a realidade da empresa);
  • Abertura de Capital (IPO).

8-Principais erros do Valuation

⇒ O Valuation é imparcial;

As avaliações são subjetivas, não existe um valor verdadeiro e um valor falso para determinada empresa. Toda a avaliação tem um viés tendencioso. Estão sujeitos à uma determinada tendência pela própria natureza da avaliação. Por isso, as avaliações não podem ser neutras ou imparciais.

⇒ O Valuation fornece valores exatos;

Pelo contrário, as avaliações não são precisas, pois os ativos são diferentes em todos os aspectos. Além do mais, o Valuation não é uma ciência exata.

Quanto mais quantitativo o modelo, melhor o Valuation

Métodos de avaliação mais simples costumam ser mais efetivos que os mais complexos.

Conclusão

Hoje, você conheceu um pouco mais sobre o Valuation ou Avaliação de empresas. Para aprender ainda mais sobre o assunto, Assista Gratuitamente o Curso Valuation.

Gostou deste post? Comente e compartilhe com os seus amigos nas redes sociais!

Gostou desse artigo?

Gostou desse artigo?

Receba os próximos por e-mail!

Prontinho ! Assinatura realizada com sucesso. Acabamos de enviar um email de confirmação para você.

Sobre o autor

CEFIS

A CEFIS é um serviço de atualização contábil.
De forma inovadora, a CEFIS tem levado conhecimento através da web para milhares de contabilistas. Toda semana elaboramos um novo curso atual e objetivo nas Áreas Contábil, Fiscal e Trabalhista. Os cursos são realizados pelos melhores profissionais do país e após a gravação ficam armazenados para você assistir quando e onde quiser. Saiba mais aqui: www.cefis.com.br

Deixar comentário

Gostou desse artigo?

Gostou desse artigo?

Receba os próximos por e-mail!

Prontinho ! Assinatura realizada com sucesso. Acabamos de enviar um email de confirmação para você.